O Departamento Internacional do Equipe promoveu nesta quarta-feira (20), na Unidade Integrado, uma palestra sobre formas de ingresso em universidades estrangeiras. Pais e alunos puderam tirar dúvidas e conhecer melhor as opções de graduação fora do país.

O encontro contou com a presença de Nicole Frutuoso, que há 12 anos assessora alunos para ingresso em universidades dos Estados Unidos, Canadá e Europa. Ela falou sobre as exigências das faculdades, o que levam em consideração para aceitar os estudantes e dos benefícios em estudar fora. “A faculdade dos Estados Unidos não vai te preparar para um curso específico, ao contrário do Brasil. Lá, o foco é desenvolver habilidades de pesquisa, leitura, em poder aprender”, diz.

Entre os benefícios destacados estão o currículo flexível (escolher o curso no segundo ano), foco no desenvolvimento profissional (aulas práticas, projetos, mentoria, estágio) e a vida universitária, que oferece diversas oportunidades de networking e atividades.

High School – Uma das maneiras de ingresso é o programa de High School, onde o aluno pode estudar o currículo americano em paralelo com o currículo brasileiro. O Equipe oferece o programa, que dura três anos. As aulas, todas em inglês, são ofertadas duas vezes por semana, no período da tarde.

Os alunos estudam disciplinas como Saúde, Governança Americana, Belas Artes, História dos Estados Unidos, Tecnologia Digital, Literatura Britânica e Americana. O High School do Equipe é realizado em parceria com o Griggs Internacional Academy (GIA), seguindo o sistema educacional dos Estados Unidos.